Esquema operado por Douglas Felizardo na Fiscalização de Posturas de Cabo Frio ganha novos desdobramentos, entenda o caso

0
10

As notícias sobre a farra das licenças envolvendo o vereador de Cabo Frio Douglas Felizardo trazem novos capítulos envolvendo não apenas o Secretário Adjunto, Fábio Berany Almeida, mas também, o Coordenador de Posturas, conhecido como Junior Russo, a própria esposa do parlamentar, além de outros personagens que operam nos subterrâneos da política. Revelou a matéria publicada pelo site de notícias, Cabo Frio em Foco.

Dougas Felizardo com o motorista que virou coordenador de Posturas em Cabo Frio

Segundo a reportagem, dentro do Setor de Fiscalização e Posturas da Prefeitura de Cabo Frio, o esquema de licenças parece não ser a única fonte de capitalização que rende dividendos políticos, eleitorais e financeiros ao vereador Douglas Felizardo. Há outros “negócios” que compõem um jogo perigoso, recheado por chantagens, ameaças e até mesmo assédio no capitulo das “rachadinhas”.

O mecanismo sob a batuta de Douglas Felizardo adentrou a camadas, que flertam não apenas com a relação promíscua do seu gabinete com o órgão fiscalizador municipal recheado de irregularidades, mas outras condutas que já chegaram à baila do Ministério Público pela gravidade do teor e que prometem desdobramentos reveladores para a política cabo-friense.

A pesar do vereador fazer cara de paisagem e recorrer ao seu comportamento de fariseu que usa a religião e a exploração da fé para justificar seus atos indecorosos, o acervo documental que instrui a peça levada ao Ministério Público,  já o fez recuar, se ausentar das sessões da Câmara Municipal e pedir socorro nos bastidores, pois ele sabe o que fez no verão passado.

O espaço está aberto para a manifestação dos citados.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here