Irmãs Metralhas tocam terror no RH da Saúde de Cabo Frio e causam transtornos para os servidores

0
268

Em Cabo Frio, a Coluna Radar Político apurou que a bomba que explodiu dentro do RH da Saúde foi causada por uma personagem que até então, é mantida nas sombras. Trata-se da Senhora Andrea Almeida, que está lá como Supervisora do RH sem conhecer nada da área, ela não sabe nem mexer no sistema. 

Andrea Almeida, Supervisora do RH da Saúde, mas ela recebe ordens da irmã Adriana Almeida

Para completar a desgraça na vida dos trabalhadores que foram prejudicados, ela é irmã de Adriana Almeida que também veio da Baixada Fluminense “ para comandar o setor mesmo sem estar nomeada para a função”, passando por cima até mesmo do Secretário Bruno Alpacino e tudo com anuência da prefeita Magdala Furtado.

Uma fonte da Secretaria de Saúde, que teve acesso a baderna que resultou em graves prejuízos aos servidores da pasta, disse que as duas irmãs trabalham a portas fechadas e nem mesmo secretário da saúde, tem acesso, e garantiu que, se for aberta a caixa preta, a prefeita Magdala Furtado pode ter mais um encontro com a “improbidade administrativa” e que ela já está ciente da gravidade do problema.

Uma pergunta que deveria ser feita às irmãs metralhas ( Adriana Almeida e Andréa Almeida), é por que elas trouxeram vários parentes da Baixada Fluminense para nomear na Saúde de Cabo Frio com fortunas em salários, com direito a apartamentos de luxo e vida digna de “Família Real” em Cabo Frio ? 

O enreado dessa trama perigosa na saúde de Cabo Frio, já tinha sido alertado pelo Portal Cabo Frio em Foco em um nota publicada no dia 11 de Janeiro deste ano, mas nenhuma providência foi tomada

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here